quinta-feira, 18 de maio de 2017

Ia pagar as compras e dei pela falta.
Tinha esquecido da carteira na pasta.
Pasta que estava no carro estacionado.
Pedi desculpa e que voltaria daí a instantes.
Chegado ao dito uma maravilhosa visão.
Uma mulheraça arrumava sacos de compras.
Um vestido de verão bem soltinho…ui ui   
Abri a mala para buscar a carteira.
Ouvi um ruído de coisas a cair.
- Ai! Que merda…ouvi!
Na sua calma desculpou-se da expressão.
Acorri a ajudar no desejo de conversinha.
Reparo que apanho uma caixa especial.
Ela, de novo calmíssima, diz-me:
- Quem não tem cão, caça com gato.
Sorrimos do que estava a acontecer.
Na minha mão a caixa de um “sex toy”.
Respondi atrevidote:
- Não creio que diga a verdade.
- Pois acredite que é mesmo verdade.
- Claro, nem sempre e nem nunca…   
Dei-lhe a caixa e trocamos sorrisos.
Perguntei se podia ajudar, ao que respondeu:
- Nas compras ou na caça?
Fiquei ruborizado e meio sem voz.
-Vá!
- Quer caçar-me com o seu cão?
Nesse instante apalpou-me os colhões.
Abriu o fecho nas calmas e disse:
- Veja se não vem ninguém.
Sentou-se no assento detrás do seu carro.
Puxou-me fora o tesão, agarrando-o.













Num ápice me engoliu e chupou.
Noutro ápice já eu me esporrava.
Levantou-se e disse, com calma:
- Uma amostra grátis, do que pode ter!   


4 comentários:

  1. Não tenho mesmo sorte nbenhuma...Ajuda tanta mulher e algumas dizem obrigado e nem um sorriso mereço...Sou mesmo azarado, lool
    .
    Deixo cumprimentos.

    ResponderEliminar
  2. Humm, "caçar-te como Meu cão" ^,~
    Instigante!

    ResponderEliminar
  3. E foi só uma amostra? kkkkkkkkk :)))


    Beijo melado

    ResponderEliminar